segunda-feira, 16 de maio de 2016

NO CORAÇÃO DO MAR (Ron Howard/2015)

Aventura marítima que apresenta cenas movimentadas retratando o embate entre o Homem e a Natureza, fotografia chamativa que registra o esplendor azul do oceano e as trevas da proximidade da morte, ritmo dinâmico (apesar da anticlimática moldura narrativa em flashback) e um elenco de apoio respeitável (que suplanta os dois protagonistas inexpressivos). Então por que o filme desaparece da memória logo depois dos créditos? Por que não causa um impacto maior? Talvez por ser apenas "competente", "adequado", em nenhum momento aprofundado. Faltou uma centelha de autenticidade no vulgo drama humano - se os personagens são opacos do início ao fim, como se importar com a sobrevivência deles? A agressividade defensiva da baleia branca que serviu de inspiração para Moby Dick é o elemento mais interessante. [Info

Um comentário: