segunda-feira, 11 de abril de 2016

ASSASSINATO NO EXPRESSO ORIENTE (Sidney Lumet/1974)

Se a pessoa já conhecer os mecanismos do livro de Agatha Christie, ciente da resolução do mistério, o melhor método para aproveitar esta versão é encará-la como uma "comédia de maneiras", um estudo observacional das peculiaridades do comportamento humano quando sob suspeita. Não há muita tensão; seria um exagero catalogá-lo na seção de thrillers. Excêntricos e propositalmente cheios de postura por terem algo a esconder, os personagens e suas interações com o Inspetor Poirot proporcionam momentos de humor mordaz. O elenco estrelado permite-se refestelar em caricaturas de sucesso variado, dentre as quais a única a demandar completa admiração é a de Albert Finney, de aparência irreconhecível e gestual detalhista no papel de Poirot; apenas Sean Connery e Jean-Pierre Cassel atuam de maneira comedida. Cenários, guarda-roupas e fotografia caprichadíssimos. Prova da versatilidade de Sidney Lumet em adaptar-se aos textos com que trabalhava. [Info

2 comentários:

  1. É um interessante filme, que vale pelo elenco e pela caracterização de Albert Finney.

    Mesmo sendo um pouco inferior, gosto também de "Morte Sobre o Nilo", que tem Peter Ustinov como Poirot.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quero ver esse, está na lista de futuras sessões.

      Cumps.

      Excluir