segunda-feira, 22 de fevereiro de 2016

VALERIE E SUA SEMANA DE DESLUMBRAMENTOS (Jaromil Jires/1970)

Por uma questão de gosto pessoal relativa à dificuldade de "penetrar" no mundo de contos-de-fada alegóricos, não apreciei a experiência de assistir a este cult tcheco - o que não me impede de reconhecer, por exemplo, a excelência de suas imagens onírico-pesadelares e o encanto da lírica trilha musical. Avançando de cena em cena de maneira seca, nem sempre fluida, obedecendo a uma (falta de) lógica típica dos sonhos, o filme narra a perda simbólica da inocência de uma garota após sua primeira menstruação, contrapondo devaneios de liberdade erótica e a repressão hipócrita de autoridades familiares e religiosas. [Info

Nenhum comentário:

Postar um comentário