sábado, 8 de agosto de 2015

O ASSASSINATO DE UM PRESIDENTE (Niels Mueller/2004)

O filme convida o público a acompanhar, por uma hora e meia, os devaneios de um perdedor que, vejam a ironia, perdeu também o contato com a realidade. Gafes, paranoia, hesitação - atributos que definem Samuel J. Bicke (Sean Penn) e, como o foco não desvia dele por um minuto, contaminam a narrativa. Levando em conta as várias opiniões positivas, conclui-se que houve quem criasse empatia ou compaixão por Bike. Para o restante, mesmo percebendo que o sujeito provavelmente sofria algum distúrbio psiquiátrico, a sessão poderá irritar até o último fio de cabelo. Único fator redentor: Michael Wincott, roubando a cena, como de praxe, em breve participação no papel do irmão sensato do protagonista. [Info

Um comentário:

  1. Não conhecia este filme.

    Mesmo com sua crítica negativa, fiquei curioso por causa da história e do elenco.

    Abraço

    ResponderExcluir