sábado, 28 de março de 2015

SOLARIS (Andrei Tarkovsky/1972)

O Homem almeja alcançar longínquas estrelas do espaço sideral, apropriar-se do desconhecido, sem perceber que deveria antes empreender uma viagem interior reflexiva, de autoconhecimento. Deixando a tentação da ação física e pirotecnias de lado, Tarkovsky nos guia rumo a um destino de introspecção; no lugar de um encontro apoteótico com aliens, coloca os personagens (por tabela, o espectador) cara a cara com os atributos que os identificam enquanto humanos e tornam únicos, sobretudo a memória no processo de formação da identidade e as implicações advindas da mortalidade. [Info] ★★★★

2 comentários:

  1. eis um filme bem ambicioso e filosófico. sou admirador do tarkovksy, mas não muito deste filme.

    o meu preferido dele é stalker.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sou suspeito para ter preferências, pois só vi 2 filmes dele até agora, esse e 'Stalker'...

      Excluir