segunda-feira, 2 de março de 2015

INTRUSOS (Juan Carlos Fresnadillo/2011)

[Spoiler] Produção europeia de elenco multinacional, falada em inglês e espanhol, com alguns efeitos especiais chamativos e uma revelação-surpresa que, em vez de apenas puxar o tapete do público, ajuda-o a compreender o alcance dos problemas dos personagens e redescobrir a enganosa estrutura cronológica desta que de início parece um típico monster movie, enxergando-o de outra maneira.

Relativamente longo, pouco violento, de baixa tensão, porém sempre misterioso, interessado antes em dar calafrios do que arrancar gritos, dramatiza as cicatrizes mentais causadas por um trauma, transmitidas a entes próximos, que passam a sofrer junto da vítima. No quesito temático, serve de acompanhamento fantasioso a Possuídos, de William Friedkin, também centrado na síndrome psiquiátrica folie à deux. [Info] ★★★

2 comentários:

  1. Fresnadillo comandou o interessante "Extermínio 2", que tinha tudo para ser uma bomba e acabou se mostrando uma eficiente sequência.

    Estes "Intrusos" eu ainda não assisti.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois eu não vi 'Extermínio 2' ainda, mas quero fazê-lo.

      Excluir