quinta-feira, 15 de janeiro de 2015

MARGIN CALL - O DIA ANTES DO FIM (J.C. Chandor/2011)


O pano de fundo é o colapso do mercado financeiro de 2008 ocasionado pelo estouro da bolha imobiliária norte-americana. A ambientação se restringe quase inteiramente ao prédio da firma onde se deflagrou o catastrófico efeito-dominó que abalou a economia global. A temporalidade da narrativa fica circunscrita às vésperas e ao dia do cataclisma especulativo. Os personagens se dividem entre os novatos (Jeremy Quinto), os intermediários (Stanley Tucci, Paul Bettany, Kevin Spacey, Demi Moore) e o manda-chuva (Jeremy Irons). 

O teor das conversas varia: crises de egoísmo, lampejos de consciência, elucubração de estratégias emergenciais e indiferença pragmática no tocante ao tsunami prestes a atingir todos. Visualmente espartano, o filme pouco se importa com música. Move-se a uma cadência reticente, embora preserve sempre um fio de tensão. Rarefeito, porém indicado pelas atuações de Tucci, Irons e Spacey. [Info] ★★★

Um comentário:

  1. Esse longa-metragem é história da sociedade contemporânea, de um momento econômico vital e memorável, retratado com um toque de ficcional-realismo (ou realismo-ficcional) impressionante. Um ótimo filme em vários sentidos.

    abraço

    abraço

    ResponderExcluir