quinta-feira, 13 de novembro de 2014

DEUSES E MONSTROS (Bill Condon/1998)


Ian McKellen interpreta James Whale, diretor de Frankenstein, O Homem Invisível e A Noiva de Frankenstein. Autoexilado de Hollywood, homossexual assumido, reputação em frangalhos, debilitado após derrames sucessivos, enfurnado na mansão que divide com a governanta ranzinza (Lynn Redgrave) e visitantes masculinos esporádicos. Atormentado por lembranças ingratas: a infância, a guerra, a perda da sua cara-metade nas trincheiras, um projeto de cunho pessoal mutilado pelo estúdio. Pouco afeito a rememorar nostalgicamente os dias de glória do ofício, Whale encontra uma distração no jardineiro novo (Brendan Fraser).

Enquanto tenta seduzi-lo, Whale descobre pontos entre si e o jovem rude e inocente – ambos ostracizados pela sociedade, veteranos do conflito armado, solitários. Estreitam a inusitada relação, em contrapartida intensificando uma crise emocional no ex-cineasta.

Fundindo trevas e luz para investigar dilemas íntimos, Condon perturba ao mesmo tempo em que ilumina, seguindo a deixa das entidades contrastantes a compor o título. [Info] ★★★★★

4 comentários:

  1. É mais um filme que quero assistir.

    A lista é longa por sinal...rs

    Abraço

    ResponderExcluir
  2. ótimo filme e sobre um cineasta ainda melhor e mais talentoso: James Whale. Vi quando de seu lançamento no cinema...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembro-me do lançamento do filme também, mas naquela época não tinha idade pra assistir...

      Excluir