domingo, 19 de outubro de 2014

O ENIGMA DE OUTRO MUNDO (John Carpenter/1982)


Qual o diferencial de pedras angulares da FC e do horror, como este The Thing e seu primo nem-tão-distante Alien – O Oitavo Passageiro? Poderiam ter redundado em sanguinolência gratuita, sustos telegrafados, cortes frenéticos, overdose de efeitos especiais e… Ser destinados ao esquecimento, logo após a estreia.

Além da perícia dos realizadores em gerir uma atmosfera de constante tensão, a engenhosidade das premissas serviria de resposta, incluindo a criatura. A equipe de designers queimou fosfato confeccionando um organismo alienígena tremendamente hostil, que fascina e aterroriza.

Widescreen meticuloso enquadra a ambientação claustrofóbica de uma estação científica antártica; o ritmo mantém-se desapressado, acompanhado pela música sinistra de Morricone: ingredientes que promovem o perigo, a paranoia e a desconfiança instalados entre os homens à mercê ‘da coisa’. [Info] ★★★★

Nenhum comentário:

Postar um comentário