quarta-feira, 8 de outubro de 2014

MONSTER – DESEJO ASSASSINO (Patty Jenkins/2003)


Despido de atrativos estéticos, tal qual Aileen Wuornos, prostituta de rodovia desde os 13 anos, Monster relata os derradeiros meses de uma existência sofrível. Serve de lembrete de coisas tomadas por certas pelos afortunados – conforto, lar, calor humano – que estão além do alcance de pessoas relegadas à margem da sociedade, sem acesso a um futuro esperançoso. Caso da Aileen ficcionalizada por Patty Jenkins.

A trajetória dessa mulher que cresceu deformada pela ausência de afeto incomoda. Como é vagar pelas beiradas, excluído, degradado e, pior, estar ciente da situação? Jenkins desencoraja o impulso de fazer um julgamento moral sumário da biografada, condenada à morte por múltiplos homicídios. Convida, antes, a uma reflexão nada açucarada a respeito da sobrevivência. [Info] ★★★★

2 comentários:

  1. A história é forte e a interpretação de Charlize Theron é assustadora. Sua transformação física é extremamente realista.

    Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Theron é ótima atriz. Espero que volte a conquistar papéis desse calibre.

      Excluir