quinta-feira, 30 de outubro de 2014

MAGNÓLIA (P.T. Anderson/1999)

Drama-mosaico intenso e dinâmico acompanhando gente que precisa ser salva – na maioria dos casos, de si mesmas. Um fator comum às trajetórias de cada personagem que, cedo ou tarde, irão se interligar, é a falta de amor, a solidão, provenientes de algum abandono afetivo familiar. Toques de hiperatividade editorial e realismo fantástico o diferenciam de inspirações precedentes, sobretudo Robert Altman. Magnólia tem ambição. ‘Modéstia’ não integra o vocabulário de Anderson. Críticas ao suposto excesso de pretensão se esvaziam perante as emoções suscitadas em escala simultaneamente épica e intimista. [Info] ★★★★

Um comentário:

  1. Um dos filmes mais foda que já fizeram na história.

    http://filme-do-dia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir