domingo, 26 de outubro de 2014

HISTÓRIAS CRUZADAS (Tate Taylor/2011)

Mississippi, anos 60. Negras cozinhavam, passavam, limpavam, faziam compras, criavam os filhos das patroas – crianças com quem desenvolviam estreitos laços afetivos. Compunham a minoria subalterna, privada de perspectivas profissionais além de servir a empregadores brancos que dela têm nojo, diariamente atentando contra sua dignidade.

Palatável, ameno e bem-humorado, Histórias Cruzadas abre mão de táticas denuncistas, trocando uma previsível estética brutal (caso tivesse a direção de Spike Lee ou Lee Daniels) pela simplicidade, acessível a todos os quadrantes do público. Embora alheio a ousadias, tira proveito do elenco feminino para extrair veracidade emocional do tema. Merecidíssimos quaisquer prêmios concedidos a Octavia Spencer, Jessica Chastain e Allison Janney, responsáveis por agregar valor ao filme. [Info] ★★★

Nenhum comentário:

Postar um comentário